7 dicas para você fazer uma boa live no Facebook, Instagram e Youtube

7 dicas para você fazer uma boa live no Facebook, Instagram e Youtube

Os vídeos ao vivo, as famosas Live, estão cada vez mais populares.

Equipamentos melhores e mais baratos, maior velocidade da internet, desenvolvimento de codecs e de plataformas de transmissão mais eficientes, permitiram às lives do Facebook, Instagram e do Youtube tornarem-se as queridinhas da internet.

Lives possibilitam um contato mais direto entre o emissor e o receptor do vídeo. Por ser uma transmissão ao vivo, há uma maior sensação de presença e de veracidade e bem feitas podem representar a diferença entre o sucesso e fracasso na divulgação do seu trabalho.

Antes de ligar a câmera e botar a cara à tapa, confira aqui um compilado com 7 dicas para você fazer boas lives seja no Facebook, Youtube ou Instagram.

1 – Por que fazer uma live?

Essa é a primeira pergunta a ser respondida antes de entrar ao vivo. Como já dissemos, Lives criam uma sensação de proximidade e permitem uma interação instantânea e mais espontânea com seus seguidores.

Há, no entanto, situações em que os vídeos editados podem ser mais interessantes.

Se o seu objetivo é resumir algum tópico, fazer uma exposição rápida dele ou de um produto, talvez um vídeo gravado seja mais adequado. Do contrário, se você busca responder a perguntas, quer bater um papo com seus seguidores ou quer expor um acontecimento, como uma festa, um jogo ou evento importante, a Live realmente é a melhor pedida.

2 – Faça um roteiro

Lives no Instagram, Facebook e Youtube são marcadas pela espontaneidade, é verdade.

Isso, no entanto, de maneira alguma significa que elas não devam ser planejadas. Fazer um bom roteiro garante que você saiba o que vai falar ou mostrar, além de determinar uma ordem lógica dos elementos.

Um roteiro bem feito dá a segurança necessária para que tópicos importantes sejam abordados e nada fique para trás.

3 – Pense na sua rede de forma ampla

Além de planejar a coesão interna dos elementos e tópicos da sua transmissão ao vivo, é preciso também pensar na coesão da live em relação ao todo da sua rede. Ou seja, é importante lembrar que a Live insere-se num contexto maior, que inclui seus posts escritos, suas fotos, vídeos editados etc.

As lives nas redes sociais não podem de forma alguma soar discrepantes do restante de suas publicações. Isso vale tanto para os assuntos a serem abordados quanto para seus elementos visuais e estéticos.

Se você posta fotos sensacionais, textos super criativos e com uma bela diagramação, a sua live deve manter este elevado padrão.

4 – Mantenha a periodicidade

Manter um fluxo constante em suas publicações ajuda a manter seus seguidores cativos. Pense num site jornalístico de notícias.

Se o site não atualizar suas notícias frequentemente, os leitores certamente irão procurar outras fontes de informação. Essa lógica, guardadas as devidas proporções, também deve ser aplicada nas lives do Facebook, Instagram e Youtube.

Defina, portanto, uma periodicidade para as suas transmissões, essa periodicidade pode ser quinzenal, semanal, a cada 2 ou 3 dias ou diária. Independentemente do intervalo entre elas, o mais importante é sempre manter essa frequência.

Se por acaso houver a necessidade de alterar essa periodicidade, tente sempre comunicar seus seguidores com certa antecedência.

5 – Tempo e horário

Assim como manter um fluxo constante de lives, respeitando o calendário que você “combinou” com quem te acompanha, o mesmo pensamento também deve ser aplicado à duração e ao horário de transmissão da live.

Tente não variar muito o tempo de duração e o horário das suas transmissões ao vivo mantenha sempre uma certa padronização. Se você costuma fazer lives de meia hora, sempre a partir das 20 horas, mantenha sempre mais ou menos essa duração. Isso permite que o seu seguidor reserve este tempo para você, o que se chama de fidelização.

Pequenas oscilações e atrasos obviamente podem acontecer, afinal estamos falando de uma transmissão ao vivo, mas é sempre importante evita-los.

6 – Divulgue sua live

Mesmo que você tenha um público fiel e cativo, mantenha a periodicidade e siga um tempo e horário pré-definidos, divulgação nunca é demais.

Anuncie sua live com antecedência, especialmente no dia em que ela irá acontecer, utilze suas redes sociais e contatos para isso.

Para divulgar no Instagram, utilize a figurinha de contagem regressiva nos seus Stories e já no Facebook, a dica é agendar em sua página o horário da transmissão e divulgar o link por aí.

7 – Interaja

O grande apelo da Live é a possibilidade de comunicação direta entre você e seus seguidores. Aproveite esta oportunidade para interagir no bate-papo, para ler e responder as perguntas e comentários feitos por lá. Tente responder ao maior número de pessoas, sempre em voz alta e dirigindo-se diretamente ao seu interlocutor.

Outra dica para melhorar essa interação é manter uma certa “expectativa” durante a Live. Você pode propor no início a realização uma enquete, um sorteio ou algo parecido, que será respondida ou revelado no final da transmissão. E lembre-se: se prometeu alguma coisa, cumpra! Se você prometeu divulgar um texto na sequência, publique. Disse que iria abordar determinado assunto numa live futura, aborde! Isso cria um laço de confiança entre você e seu público e mantém sua audiência e reputação.

Com estas dicas você certamente fará lives cada vez melhores e mais eficientes, transmitindo com maior clareza suas ideias, sentimentos e talentos. Quer saber mais sobre marketing digital? Acesse nosso blog.

 

Marcos Liberato Marcos LiberatoAdministrador de empresas, formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, pós-graduado em computação gráfica pelo SENAC, amante de games, animações, tecnologia e internet. Sócio fundador e diretor de Marketing da AE Digital.
Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com as nossas Políticas de Cookies e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições Eu aceito